Anuncie aqui

Atividade faz parte do curso sobre percepção de risco realizado pela Defesa Civil.

Alunos da Escola Municipal “Dante Egréggio”, localizada na Vila Paulista, participaram de simulado de abandono de edificação em situação de risco realizado pela Defesa Civil de Rio Claro, com apoio do Corpo de Bombeiros e Guarda Civil Municipal. A atividade foi realizada de manhã e à tarde, com alunos dos dois períodos escolares.

“Simulamos um acidente de explosão na cozinha com princípio de incêndio para que adultos e crianças saibam como agir nesse tipo de situação”, explica o diretor da Defesa Civil, Wagner Araújo. “O primeiro passo em caso de sinistro é acionar os bombeiros, depois levar crianças e adultos para um local seguro, afastado do perigo, para que as equipes de emergência possam focar somente no problema na hora do atendimento”, explica Araújo.

Anuncie aqui

O simulado faz parte do curso sobre percepção de risco que vem sendo realizado pela Defesa Civil desde 2017. Neste ano, o curso foi ampliado com inclusão do simulado nas escolas. “Nesse primeiro momento será feito um projeto piloto em três unidades de ensino. O primeiro simulado foi realizado na semana passada na Escola Municipal Rosa Maria Castellano Pieroni, no Cervezão”, informa Décio Soares de Camargo Junior, diretor de Logística da Secretaria Municipal de Segurança, Defesa Civil, Mobilidade Urbana e Sistema Viário. A próxima contemplada com a atividade será a Escola Victorino Machado.

O simulado na Escola Dante Egréggio teve participação de 98 crianças no período da manhã e 87 à tarde. “O simulado é importante porque se houver uma situação de emergência na escola as crianças estarão preparadas e saberão como agir”, comenta Luciana Cristina Borges Dias de Arruda, diretora da escola. De acordo com ela, a retirada de crianças e adultos foi feita em menos de dois minutos.

Assim que acionados, os bombeiros saíram da Avenida Brasil para atender a ocorrência na escola. O trajeto foi percorrido em seis minutos e meio e, chegando ao local, os bombeiros orientaram crianças e equipe escolar sobre os procedimentos. “É importante fornecer informações precisas sobre o problema e endereço correto para agilizar o atendimento à ocorrência”, orienta o bombeiro Bucioli.

A Escola Municipal “Dante Egréggio” atende 210 alunos do ensino fundamental.

Anuncie aqui