Anuncie aqui

Caso não chova, o plantio com mudas da autarquia será finalizado nesta terça-feira (20).

O Daae (Departamento Autônomo de Água e Esgoto) de Rio Claro iniciou na tarde desta segunda-feira (19), o plantio de 300 mudas de árvores nativas e frutíferas em uma área de proteção permanente (APP) com cerca de seis nascentes que desaguam no rio Corumbataí, localizada em sítio na rodovia vicinal que liga Rio Claro ao distrito de Ferraz.

Com mudas fornecidas pelo viveiro do Daae, a ação faz parte do “Programa de Recuperação de Área de Preservação Permanente do Rio Corumbataí” que faz o trabalho de monitoramento, recuperação e proteção dos recursos hídricos do município, dentro do “Projeto Nascentes”, desenvolvido pela autarquia.

Anuncie aqui

A atividade contou com participação de 45 alunos do quarto ano do ensino fundamental do Colégio Objetivo. As crianças participaram de roda de conversa com tema ambiental, que abordou vários assuntos, como a preservação do meio ambiente e dos recursos naturais, principalmente da água. Depois de toda a teoria, os alunos puderam colocar em prática o que aprenderam fazendo o plantio das mudas, ação realizada com grande entusiasmo. Ao final da atividade, as crianças agradeceram pelo aprendizado.

Caso não chova, o plantio será finalizado na manhã desta terça-feira (20) com outra turma do quarto ano do ensino fundamental do Colégio Objetivo. “Seguimos recuperando e ampliando a proteção e conservação dos recursos hídricos de Rio Claro, trabalho feito pelo Daae desde o início da atual gestão municipal em 2017”, comenta José Crespo Filho, gerente de preservação do Meio Ambiente do Daae e coordenador do projeto Nascentes.

As escolas interessadas em participar do projeto e plantio e os proprietários que quiserem aderir ao programa de recuperação ambiental devem ligar para a gerência de Meio Ambiente do Daae, pelo telefone 3531-5248, em horário comercial.

A autarquia reforça que as doações de mudas não são para plantio em residências e sim em áreas de preservação permanente, chácaras, sítios e fazendas no entorno de cursos d’água e nascentes. As doações são feitas mediante cadastro e agendamento.

A atividade conta com o apoio da Casa de Agricultura de Rio Claro e é mais uma ação desenvolvida pelo município em atenção às diretivas do “Programa Município Verde Azul”, iniciativa do governo estadual que pontua investimentos ambientais feitos pelos municípios.

Anuncie aqui