Arma que a mulher jogou sobre o muro da casa

Um casal foi detido no final da noite de quarta-feira (13) e na madrugada desta quinta-feira (14) pelo crime de posse ilegal de arma de fogo pelo bairro Jardim Araucária.

O primeiro caso aconteceu por volta das 22h15 de quarta-feira (13) quando policiais militares da Força Tática em posse de informações que um homem residente na rua 5 do bairro possuía uma arma de fogo.

No local foi realizado contato com o indivíduo que franqueou a entrada da equipe na residência e após ser informado da denúncia confessou possuir um revólver e indicou o local onde estava guardado. Realizado busca no local indicado, encontrado um revólver calibre 22, marca Rossi, inox, numeração suprimida, municiado com 6 munições, sendo duas delas picotadas e 4 intactas.

Diante dos fatos o homem foi conduzido até o plantão policial onde autoridade de polícia judiciária formalizou o flagrante delito pelo crime de posse ilegal de arma de fogo de uso restrito devido o armamento estar com numeração suprimida, conforme art. 16 da lei 10.826, e o indivíduo permanecendo a disposição da justiça.

Durante a elaboração da ocorrência na delegacia, a esposa do indivíduo acompanhava o caso e repentinamente foi embora, demonstrando um certo nervosismo. Novamente os policiais foram até a residência, no Jardim Araucária e pelo local visualizaram a mulher jogando algo sobre o muro.

Feito contato com o vizinho que liberou a entrada e em diligências foi localizado um revólver marca Colt, calibre 32, número 136134 com 5 munições intactas, pesquisado o referido armamento constou produto de furto pela cidade de Taquaritinga.

Diante dos fatos a mulher foi conduzida ao plantão policial onde autoridade policial elaborou B.O. PC adendo ao BOPC 2101, de posse ilegal de arma de fogo, qualificando a indiciada como investigada, ouvindo e liberando.

Arma apreendida com o homem