Droga encontrada misturada ao macarrão — Foto: SAP/Divulgação

Em um dos casos, entorpecentes estavam misturados com macarronada.

Três mulheres foram presas por tentarem entrar com drogas na Penitenciária de Itirapina (SP) no sábado (13).

As mulheres foram flagradas ao passarem pelo aparelho body scanner. Uma delas, de 31 anos, estava com um invólucro envolto em borracha, papel carbono e grafite em pó, contendo um microcelular. O aparelho estava escondido na vagina.

Uma jovem de 23 anos que foi visitar o irmão também carregava na vagina um invólucro contendo uma porção de substância semelhante à maconha, uma porção de substância semelhante à cocaína e 100 micropontos de substância semelhante à LSD.

Microcelular apreendido com visitante em Itirapina — Foto: SAP/Divulgação

Já uma mulher de 57 anos foi flagrada com três porções de substância semelhante à maconha (cerca de 495 gramas) misturadas em uma vasilha em meio à macarronada.

As mulheres foram levadas para a delegacia. Segundo a Secretaria de Administração Penitenciária (SAP), será instaurado um Procedimento Disciplinar para apurar a cumplicidade dos presos que receberiam os ilícitos.

Drogas apreendidas pelos agentes de segurança em Itirapina — Foto: SAP/Divulgação

Fonte: G1 São Carlos e Araraquara