Buschinelli Pisos e Revestimentos tem fábrica em Santa Gertrudes - Foto: Reprodução Facebook
Anuncie aqui

Siticecom afirma que a Buschinelli atrasou o pagamento do salário de dezembro, de parte do 13º e do FGTS.

A cerâmica de Santa Gertrudes (SP) Buschinelli interrompeu a produção e demitiu 160 funcionários na segunda-feira (20), segundo o sindicato da categoria, que também informou que há atraso do salário de dezembro e de depósitos do FGTS.

Produção interrompida

Anuncie aqui

Segundo o Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias Cerâmicas (Siticecom), a produção foi interrompida e sete pessoas continuam trabalhando apenas na embalagem dos últimos produtos. Os funcionários de escritório e produção foram dispensados.

A empresa está em processo de recuperação judicial desde 2016, mas as demissões surpreenderam os funcionários.

13º e salário atrasados

Ainda de acordo com o sindicato, os funcionários só receberam 20% do 13º salário e ainda não receberam o salário de dezembro, que estava previsto para o quinto dia útil de janeiro.

O sindicato informou que foram enviados os avisos prévios dos funcionários. Cerca de 40 trabalhadores se reuniram na porta da empresa na manhã desta terça-feira (21) para conseguir alguma resposta sobre os pagamentos das rescisões.

A Buschinelli vai completar 103 anos e fabrica pisos, revestimentos e porcelanatos.

Fonte: G1 São Carlos e Araraquara

Anuncie aqui