Anuncie aqui

Subtenente Clóvis Henrique Alves da Cruz está assumindo o TG local.

O prefeito de Rio Claro, João Teixeira Junior, o Juninho da Padaria, recebeu na tarde de quinta-feira (23) a visita do novo instrutor do Tiro de Guerra, o subtenente Clóvis Henrique Alves da Cruz, acompanhado do subtenente Wagner Firmino da Silva, que está deixando o cargo. O prefeito deu boas vindas ao novo chefe de instrução e reafirmou a parceria da prefeitura com o TG. “Nossa administração está à disposição da instituição, que desenvolve importante trabalho no município contribuindo com a formação dos nossos jovens”, afirmou Juninho, agradecendo o trabalho realizado por Silva.

Natural do Rio Grande do Sul, o novo chefe destaca a boa impressão que está tendo de Rio Claro. “Estou sendo muito bem recebido e gostando bastante da cidade. Fui designado para Rio Claro e aqui vou realizar o objetivo de servir o Tiro de Guerra e a população”, disse.

Anuncie aqui

Wagner Firmino da Silva chamou a atenção para a necessidade das empresas apoiarem os jovens que fazem o Tiro de Guerra. De acordo com ele, o alistamento muitas vezes elimina o candidato dos processos de seleção no mercado de trabalho. “O empregador desconhece que a carga horária no quartel é de apenas duas horas, das 6 às 8 horas, e não integral. Portanto, nada impede que os atiradores possam ser contratados e trabalhem enquanto cumprem o serviço militar”, observou.

O prefeito Juninho da Padaria colocou a prefeitura à disposição para buscar uma solução para o problema, criando um mecanismo que permita que esses jovens trabalhem e sirvam o TG. “O empregador poderá se beneficiar com a contratação dos atiradores devido ao belo trabalho de formação realizado pelo TG”, comentou.

O Tiro de Guerra 02-032 de Rio Claro é destinado à formação de reservistas para o Exército Brasileiro. No ano passado, 98 atiradores concluíram curso de formação no serviço militar.

Anuncie aqui