Anuncie aqui

Prefeitura pleiteia unidade do Sesc e apresentou como opção para instalação a área do parque Lago Azul.

A prefeitura de Rio Claro está pleiteando uma unidade do Sesc (Serviço Social do Comércio) para o município. Reunião para discutir o assunto foi realizada na quinta-feira (15) em São Paulo. Para receber o serviço, a prefeitura ofereceu o Lago Azul que já tem instalado o Centro Cultural Roberto Palmari, patrimônio cultural da cidade. O pedido foi apresentado ao presidente da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo (FecomércioSP), Abram Abe Szajman.

“Seria uma conquista importante para a população de Rio Claro que teria ampliado seu leque de opções de acesso a vários serviços e ações, principalmente educação e cultura”, comenta o prefeito João Teixeira Junior, o Juninho da Padaria, lembrando que o Lago Azul pôde ser disponibilizado para receber o Sesc porque a prefeitura conseguiu ter a posse legal da área que estava há décadas em condição irregular. “Estamos aguardando posicionamento do Sesc”, informa Juninho.

Anuncie aqui

Para a secretária municipal de Cultura, Daniela Ferraz, ter um Sesc em Rio Claro é um investimento a mais na melhoria da qualidade de vida da população. “O parque recebe um grande número de visitantes de Rio Claro e região que também poderiam ter acesso ao Sesc”, destaca.

Da reunião em São Paulo também participou o vereador Geraldo Voluntário, que encaminhou ofício ao prefeito Juninho da Padaria, solicitando a instalação do Sesc em Rio Claro. O parlamentar também tem participado de reuniões para discutir o assunto, inclusive da visita técnica ao Lago Azul realizada em junho deste ano. Dessa visita participaram Sérgio José Batistelli, coordenador da Assessoria Técnica e de Planejamento do Sesc; Célio Cerri, presidente do Sindicato do Comércio Varejista de Rio Claro; Antonio Carlos Borges, superintendente da FecomércioSP; a secretária Daniela Ferraz; e o prefeito Juninho da Padaria.

Anuncie aqui