Anuncie aqui

Os demais ecopontos também serão reformados.

A prefeitura de Rio Claro irá reformar os seis ecopontos da cidade. O trabalho será feito em um ecoponto por vez e o primeiro a receber melhorias é o do bairro São Miguel, próximo ao anel viário da Avenida 62A, onde as obras já foram iniciadas. “Os ecopontos são equipamentos públicos importantes para o dia a dia da cidade e estamos melhorando suas instalações também como estímulo à comunidade ao uso destes locais”, afirma o prefeito João Teixeira Junior, o Juninho da Padaria.

O alambrado que envolve o ecoponto está sendo substituído com a construção de muro de alvenaria. As rampas de acesso também serão melhoradas, os portões trocados e a iluminação terá a substituição de lâmpadas convencionais por lâmpadas de led em todos os pontos de luz.

Anuncie aqui

“São projetos individualizados, pois cada ecoponto tem a sua necessidade de reformas. O objetivo é propiciar condições melhores para a população que utiliza esse serviço”, comenta o secretário municipal do Meio Ambiente, Ricardo Gobbi, ressaltando que essa é a primeira vez que os ecopontos recebem melhorias.

As reformas estão sendo feitas pela empresa Cavo, responsável pela coleta de lixo na cidade, conforme previsto em contrato. Segundo o diretor de resíduos sólidos, Willian de Oliveira, durante a reforma, o ecoponto do São Miguel funcionará normalmente.

“Os ecopontos estão sendo utilizados cada vez mais pela população e essas mudanças vão melhorar o atendimento aos munícipes”, comenta Willian.

Logo após o término da reforma do ecoponto do São Miguel, o próximo a ser reformado será o ecoponto do Jardim das Palmeiras, localizado na Avenida 3JP, ao lado da Estação de Tratamento de Esgoto.

Além dos ecopontos do São Miguel e do Jardim das Palmeiras, o município conta com outros quatro, localizados no Inocoop/Guanabara (Avenida Tancredo Neves com a rodovia Fausto Santomauro), Jardim Figueira (Avenida 54 em frente à Rua 27), e os ecopontos do Cervezão (Rua 6A, Avenida M21) e Jardim São Paulo (Rua 1A).

Os ecopontos abrem todos os dias da semana. De segunda à sexta, das 8 às 20 horas; aos sábados, das 8 às 17 horas e aos domingos e feriados, das 8 horas ao meio dia.

Nos ecopontos podem ser depositados até um metro cúbico de galhos, restos de podas de árvores e entulhos de materiais de construção; móveis, eletrodomésticos, madeiras MDF, colchões e outros objetos velhos; pilhas e materiais recicláveis, lâmpadas e óleo de cozinha. Lixo orgânico, hospitalar e de empresas não são aceitos nos ecopontos, pois têm outros modelos de descarte.

Anuncie aqui