Anuncie aqui

Evento foi realizado na terça-feira (17) no Centro Cultural.

Rio Claro realizou na terça-feira (17) a 12ª Conferência Municipal de Assistência Social. As propostas levantadas nas pré-conferências foram debatidas em grupos de trabalho e votadas em plenária. Das 13 propostas aprovadas, seis seguem para discussão na conferência estadual, que será realizada em outubro.

“O trabalho realizado pelo Desenvolvimento Social, especialmente pelas assistentes sociais, é fundamental para que as políticas públicas implantadas cheguem de fato até as pessoas”, destacou na abertura dos trabalhos o prefeito João Teixeira Junior, o Juninho da Padaria. “Temos que garantir os direitos às pessoas e hoje trabalhamos buscando soluções para as demandas apresentadas pela comunidade”, acrescentou o prefeito Juninho.

Anuncie aqui

Erica Belomi, secretária do Desenvolvimento Social, observou que em Rio Claro o número de serviços públicos ofertados aumentou a partir da necessidade verificada. “Centro Dia do Idoso na região sul e Residência Inclusiva são dois importantes serviços, implantados recentemente pela prefeitura, que mostram o olhar atento e carinhoso com dois públicos que demandam cuidado especial, que são os idosos e as pessoas com deficiência”, acrescentou a secretária.

Com o tema “Assistência Social é um Direito: Evolução e Desafios do SUAS no Estado de São Paulo”, a conferência foi organizada pelo Conselho Municipal de Assistência Social com o apoio da Secretaria do Desenvolvimento Social. O evento no Centro Cultural “Roberto Palmari” reuniu 230 pessoas previamente inscritas.

“Mais de 300 pessoas participaram das pré-conferências que foram realizadas nos seis territórios”, observou Daniel Bastos Buchdid, presidente do Conselho Municipal de Assistência Social, frisando que no município o conselho municipal conta com amplo apoio da prefeitura. “Rio Claro investe no social”, resumiu.

“O desenvolvimento social é um direito das pessoas”, enfatizou o vereador Geraldo Voluntário, representando a Câmara Municipal.

Palestra foi ministrada por Maria Aparecida Ribeiro Germek, diretora da Diretoria Regional de Assistência e Desenvolvimento Social. “É importante que seja dada voz a quem é atendido”, frisou Maria.

Na conferência foram eleitos os representantes de Rio Claro para a conferência estadual, que será em outubro. Foram escolhidos como representantes dos usuários os titulares: Maria Valdenice Dutra e Denise Cristina Ferreira Leite. A suplente é Carolina Toledo dos Santos. Para representar os trabalhadores da assistência social foi eleita a titular Maria Aparecida Paoli e a suplente Marcia Lina dos Santos.

Os participantes também acompanharam apresentação de dança dos jovens do Serviço de Fortalecimento de Vínculos do Centro Social e Esportivo Claretiano Terra Nova.

Anuncie aqui